terça-feira, 28 de dezembro de 2010

Pior filme do ano

Semana pessada tive o prazer de assistir o pior filme do ano. Sério. Se alguém curte filmes bizarros pode se jogar nesse aqui: Skyline - A invasão. Começamos pelo nome. Quando eles batizaram com o nome de Skyline - A invasão, queriam dizer na verdade: nos assistam, por favor, somos melhores que Independence Day!!! Mas, acreditem, não são.

O filme mistura péssimas atuações (nível "Malhação" pra baixo...)...

39684606 Skyline A Invasão

Efeitos especiais bonzinhos (bem 'inhos')...

86195156 Skyline A Invasão

Caiu na rede novas imagens de Skyline - A Invasão

O mocinho é feeeio...

Divulgação/PlayArte

Também é recheado de cenas forçadas...
Tipo nesta cena aqui, que os "heróis" vão encarar os ETs do mal com uma arminha miserável...


Ou, ainda, quando o mocinho encara o ET na base do soco mesmo e acaba todo melecado com sangue alienígena (trash totaaal!). Olha como os aspirantes a atores ficaram sujinhos...

Caiu na rede novas imagens de Skyline - A Invasão

Isso sem contar quando a mocinha dá uma machadada no cérebro do ET... credo guria! Isso é o que eu chamaria de uma mente brilhante...



26784415 Skyline A Invasão

Destaque para o "Super Síndico" do prédio que serve de cenário para a história bizarra. Além de herói secundário, ainda se coloca como Don Juan de meia idade aaaand guru nas horas vagas. Só vendo o filme pra compreender a profundidade de suas palavras.

Caiu na rede novas imagens de Skyline - A Invasão

Muitos clichês, tipo mulheres estéricas berrando "Nós vamos morrer", o herói repete 49 vezes a frase "Essa é nossa única chance!", muitas cenas de corrida em câmera lenta. Mas o pior do filme foi acabar antes de revelar o porquê da invasão. Isso é, os ETS chegam, capturam as pessoas, retiram seus cérebros e...???????

O prêmio de pior filme do ano de 2010 vai para...
Tô me sentindo uma velhinha de 104 anos...


Alguma dica de rejuvenescimento???? :/

Aiii, acaba anooo!

sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

É Natal...

Até que emfim, é Natal. Não sou do tipo que enfeita a casa e se prepara para a noite de Natal. Na verdade, não curto muito esta época... Mas a questão é que, neste ano, ele até está me trazendo uma certa animação, digamos... Se o Natal está próximo, então... O final do ano está próximo!!!

Posso dizer seguramente que 2010 foi um dos anos mais complexos da minha vida. Tive que encarar desafios e dificuldades em várias esferas da minha jovem vidinha. O bom foi ver que sou capaz de suportar muitas coisas e perceber quem são meus amigos de fé.

Que chegue 2011, pooooor favor!



terça-feira, 21 de dezembro de 2010

Pouca sorte???

O dia começou bem, tinha sol lá fora e tudo parecia tranquilo. Saí, fui pra aula. Devia ter dado mais atenção quando o meu chaveiro de pimentas anti-urucubaca se espatifou no chão assim que eu saí do portão para a rua (não, minha gente, não sou do tipo supersticiosa louca). A aula, no final das contas, começou com a maré de, digamos, pouca sorte que assolou meu lindo dia de sol. Mas eu nem suspeitava disso... Pensei: "Foi só uma aula ruim".

Decidi ir almoçar. Chego ao local em questão, louca de vontade de fazer xixi e o gerente me diz: "Agora nós estamos com uma pequena fila de espera". Qual é?? Tudo bem, Cláudia, tudo bem... tu consegue segurar mais um pouco...

Depois de alguns minutos consegui um lugarzinho e um banheiro. Mas peraí, precisava fazer o pedido primeiro... O moço. Moço!!! Vixi, acho q não me viu... Ah, moça!! Hey young lady!! Aff! Assim me sinto rejeitada gente! Sério, parecia pegadinha. Tive que quase ajoelhar no chão (exageraaaada) pra um garçom parar de trovar com uns clientes xexelentos sobre a quantidade de mesas do restaurante... eta papinho xumbrega... E eu praticamente me urinando nas calças e com uma fome proeminente e eles discutindo a morte da bezerra...

Até consegui almoçar e tudo mais, ma a duras penas. Até me cobrar pelo que eu não comi tentaram... E eu, bobalhona, ainda insisti em tentar comprar os presentes de natal... Jura que ia dar certo né? Correria a mil, pessoas andando desbaratadas pelas ruas, falta de produtos nas lojas, péssimo atendimento (os vendedores deviam ser parentes dos garçons, aqueles...), resumindo: nada de presentes.

Deixa pra lá... amanhã é outro dia. Acho bom eu comprar mais umas pimentinhas...




terça-feira, 14 de dezembro de 2010

Quando me machuca...
Já não dói
O que isso significa?